terça-feira, 13 de janeiro de 2009

A Perdição!

.
Ele passa e devasta tudo que antes parecia tão normal...
Ele passa e faz toda certeza acabar em um milésimo de segundo...
Ele passa e o mistério me assombra...
Quando ele passa!

Tudo no meu mundo cala!
.

Obs:. E só posso dizer que tudo em mim treme, perco a linha, o rebolado, a fala! E nem é tudo um conto de fadas, um mar-de-rosas, o principe encantado. É que a verdade é nossa amiga íntima. E tudo parece funcionar numa certa sincronia. Nem existe poesia aqui, nem versos...é só um relato de quem queria gritar pro mundo inteiro ouvir. Porque vale a pena, dure a estação que durar. Talvez nem passe de uma amor de verão, com sol, calor e muita paixão. Mas só o colorido e o sorriso que há em mim agora, só isso, faz valer cada sentido exagerado!

Um comentário:

Bianca Tournier disse...

Essa coisa de se apaixonar, esse início, essa vontade, essa sede que dá de todo momento, de toda voz. Esse medo, esse frio. Ai, que delícia! Aproveita muito, Su! Beijão!