terça-feira, 10 de abril de 2007

____Descalça_____


E me deixa porque hoje acordei com alma de compositora...
Cantarolei músicas que nunca ouvi...
Desafiei a minha mente...
Sorri como uma criança...


Dias mais que perfeitos...
Existência imensurável...
Cláusulas não lidas...
Quem sabe desabafos...


E os meus pés...
Caminhando por terra...
Caminhando pela lama...

Descalços...


Mas a alma...
Esta reluz...


Quão límpida estás...
Quão intocável se manterá...



Obs: Não era para ser poesia...
Mas eu não sei de onde vem essa vontade tão absurda de escrever...
De me refazer nas palavras...
De me encontrar em autosugestões...
De me encantar com os momentos que vivo...
De sussurrar palavras inicialmente sem sentido...


Mãe... Acho que descobri o que quero ser...

....


Escritora!!!
(Suy)

Um comentário:

Aleta Dreves disse...

comentei no fotolog!